• TECNOLOGIA EM PROCESSAMENTO DE DADOS - TECNOLÓGICO
  • CALENDÁRIO
NOME DO CURSO TECNOLOGIA EM PROCESSAMENTO DE DADOS NÍVEL GRADUAÇÃO GRAU TECNOLÓGICO INICIO DO CURSO 06/2003 CONCEITO DO CURSO ENADE:4 CEE/AM:CURSO AINDA NÃO AVALIADO PERIODICIDADE SEMESTRAL INTEGRALIZAÇÃO 7 PERÍODOS
SELECIONE O MUNICÍPIO
UNIDADE ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA
TURNO NOTURNO MODALIDADE PRESENCIAL NÚMERO DE CRÉDITOS 129 CARGA HORÁRIA MÍNIMA 2070 EM EXTINÇÃO? SIM PARFOR? NÃO CÓDIGO DO INEP
TURNO NOTURNO MODALIDADE PRESENCIAL NÚMERO DE CRÉDITOS 104 CARGA HORÁRIA MÍNIMA 1860 EM EXTINÇÃO? SIM PARFOR? NÃO CÓDIGO DO INEP
  • Periódicos da CAPES
  • Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

APRESENTAÇÃO

SOBRE O CURSO O curso de Tecnologia em Processamento de Dados da Universidade do Estado do Amazonas tem como finalidade formar profissional de nível superior, que tenha conhecimentos básicos de Computação e Administração, aliados as modernas técnicas de projeto e de desenvolvimento de "software", acompanhando a evolução do setor e contribuindo para a busca de soluções inovadoras, nas diferentes áreas aplicadas.
ÁREAS DE ATUAÇÃO Dentre as competências que lhe serão asseguradas durante a formação o graduado pelo Curso de Tecnologia em Processamento de Dados poderá atuar em empresas de tecnologias de informação públicas ou privadas como:

a) tecnólogo em informática, nas áreas de especificação e configuração de sistemas computacionais, bem como na implantação, manutenção e parametrização de sistemas e programas;

b) consultor na área de sistemas de informação, atuando na avaliação, escolha e definição de estratégias de implantação de sistemas de informação nas organizações;

c) gerente de projetos na área de desenvolvimento de software.

PERFIL DO PROFISSIONAL O Tecnólogo em Processamento de dados formado pela UEA, dentro da perspectiva de formação,deverá ser capaz de:

a) Dominar ferramenta teórico-prático de modelagem de dados e de processos, no desenvolvimento e manutenção de sistemas e estudo de sua viabilidade;

b) Analisar a conveniência e as possibilidades da aplicação da tecnologia computacional no contexto das organizações, estimando custos e assessorando na definição dos recursos de softwares e hardware necessários à sua implementação;

c) Analisar rotinas de fluxos de informações e propor alternativas para sua racionalização;

d) Absorver e adaptar-se as rápidas mudanças do mercado de trabalho e da tecnologia de informática, com alternativa de investimento na sua formação continuada;

e) Ser hábil no relacionamento interpessoal, favorável ao trabalho de equipe;

f) Empreender sua vida profissional;

g) Construir uma postura profissional que lhe garanta uma formação continuada e de qualidade no exercício da profissão de tecnólogo, na investigação científica e tecnológica, na área de computação e áreas afins.

SITUAÇÃO LEGAL ATO DE CRIAÇÃO: LEI DELEGADA Nº 42 de 29 de julho de 2005.

ATO DE RECONHECIMENTO: Resolução n. 100/99-CEE/AM, 31 de agosto de 1999.

COORDENAÇÃO COORDENADOR NÃO INFORMADO.