• MEDICINA - BACHARELADO
  • CALENDÁRIO
NOME DO CURSO MEDICINA NÍVEL GRADUAÇÃO GRAU BACHARELADO INICIO DO CURSO 08/2001 CONCEITO DO CURSO ENADE:3 CEE/AM:4 PERIODICIDADE SEMESTRAL INTEGRALIZAÇÃO 12 PERÍODOS
SELECIONE O MUNICÍPIO
UNIDADE ESCOLA SUPERIOR DE CIENCIAS DA SAUDE
TURNO INTEGRAL MODALIDADE PRESENCIAL NÚMERO DE CRÉDITOS 405 CARGA HORÁRIA MÍNIMA 9885 EM EXTINÇÃO? NÃO PARFOR? NÃO CÓDIGO DO INEP
  • Periódicos da CAPES
  • Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

APRESENTAÇÃO

SOBRE O CURSO Formar o médico generalista, humanista, crítico e reflexivo para atuar em todos os níveis de atenção à saúde, com base no rigor técnico e científico, capacitado ao exercício de atividades referentes à saúde da população, pautado em princípios éticos no processo de saúde-doença em seus diferentes níveis de atenção, com ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência, com senso de responsabilidade social e compromisso com a cidadania, como promotor da saúde integral do ser humano.
ÁREAS DE ATUAÇÃO O médico a ser formado está apto a atuar em: serviço de saúde público ou privado; unidades básicas de saúde; comunidades; ambulatórios gerais; pronto-socorros; instituições de pesquisas; clínicas e consultórios públicos, privados e da saúde complementar; planos de saúde e em convênios médicos; empresa própria; consultoria.
PERFIL DO PROFISSIONAL O médico a ser formado deverá ser um profissional dotado das seguintes competências e habilidades gerais:

a) Ter pensamento crítico e raciocínio científico para resolver os problemas da prática médica;

b) Atuar na construção e promoção do sistema público de saúde;

c) Estabelecer boa relação com os pacientes, seus familiares e com os demais integrantes da equipe de saúde (multiprofissional);

d) Prevenir, diagnosticar e tratar as doenças prevalentes da população e atender nas urgências e emergências em todos os âmbitos;

e) Prosseguir estudos nos cursos de especialização, mestrado ou doutorado.

f) Conhecer bases moleculares e celulares dos processos normais e alterados, da estrutura e função dos tecidos, órgãos, sistemas e aparelhos, aplicados aos problemas de sua prática e na forma como o médico os utiliza;

g) Compreender os determinantes socioculturais, comportamentais, psicológicos, ecológicos, éticos e legais, em nível individual e coletivo do processo saúde-doença;

h) Compreender e dominar propedêutica médica – capacidade de realizar história clínica, exame físico, conhecimento fisiopatológico dos sinais e sintomas com capacidade reflexiva, compreensão ética, psicológica e humanística, na relação médico-paciente;

i) Diagnosticar, proposta e conduta terapêutica, prognóstico de doenças que acometem o ser humano em todas as fases de sua vida, considerando-se os critérios da prevalência, letalidade, potencial de prevenção e importância pedagógica;

j) Compreender os processos fisiológicos próprios dos seres humanos (crescimento, desenvolvimento, gestação, envelhecimento), atividades físicas e desportivas e as relacionadas ao meio socioambiental;

k) Incentivar e estimular à inserção precoce do aluno no sistema de saúde em múltiplos cenários de aprendizagem e em equipe multiprofissional.

SITUAÇÃO LEGAL ATO DE CRIAÇÃO: Decreto nº 21.963, de 27/06/2001.

ATO DE RECONHECIMENTO: Resolução nº 117/2008-CEE/AM, de 11/11/2008, publicada no DOE de 12/02/2009.

COORDENAÇÃO
NOME E-MAIL CARGO FONE FAX
MIGUEL ANGELO PEIXOTO DE LIMA MALIMA@UEA.EDU.BR COORDENADOR